Federação Paulista de Futebol 7 Society

<< Voltar 02/12/2012

Juventus é o campeão do Interclubes 2012

O Clube Atlético Juventus é o campeão do Interclubes 2012. Em partida realizada na manhã deste domingo, no Clube Plêiades, o time mooquense superou o São Paulo pelo placar de 6 a 2, e coloca seu nome na história do Futebol 7 Society de São Paulo.

Eficiência premiada - Nada melhor que um clássico para decidir o campeão do Interclubes 2012. Juventus e São Paulo entraram em quadra do Clube Plêiades dispostas a logo colocarem seu arsenal de qualidades em jogo. O Juventus apostava no uso do pivô, com investidas vindas da área central da quadra. E o Tricolor adotou, de início, postura mais defensiva, explorando contra-ataques e faltas cometidas pelo adversário.

E o primeiro a comemorar foi o clube da Mooca. Aos oito minutos, o goleiro Rivelles contou com a sorte no chute de Pernambuco, porém, a bola que explodiu na trave voltou na cabeça do matador: Adal, com faro de artilheiro, tocou entre as pernas do goleiro para fazer o primeiro. 1 a 0 Moleque travesso!

A desvantagem obrigou o São Paulo a mudar a postura inicial e colocar em quadra jogadores de maior poder ofensivo. E foi aí que a aposta começou a resultar em falhas. Tanto que aos 15 minutos, Cesinha recebeu do meio da quadra e mandou tiro firme, rasteiro e sem chances para o goleiro. A festa juventina estava ampliada, 2 a 0, e descontrole comprovado o clube do Morumbi na decisão.

O placar favorável não desestimulou o ataque grená. Pelo contrário, o time seguiu à frente também na questão de finalizações. Restou ao Tricolor segurar o marcador e tentar reverter o quadro na segunda etapa.

Título foi para a Mooca! - Menos de um minuto. Foi isso que durou a vantagem dois gols do Juventus sobre o São Paulo no começo da etapa final. Salgado conseguiu furar a defesa e, na área, chutou sem chances para o goleiro. 3 a 0, e cenário mais que benéfico para o Moleque Travesso - o azar são-paulino foi comprovado minutos depois com chute cruzado que encontrou a trave esquerda.

Gol do Tricolor só veio aos seis minutos. Em bate-rebate, Rato, sem goleiro, só teve o trabalho de fazer o primeiro e diminuir o placar. O gol colocou fogo no clássico, pois o São Paulo ganhou injeção de ânimo para tentar o empate. Obrigado o goleiro juventino, Gambelli, a redobrar sua atenção.

Mas a felicidade dos são-paulinos acabaria. Salgado, novamente ele, ficou com a bola no pé, sem goleiro. Gol para euforia da torcida que apoiava o Juventus: 4 a 1, com 16 minutos jogados.

Aventurar-se de vez à quadra ofensiva era o que restava o São Paulo. Até o uso do goleiro linha foi feito. Entretanto, o Juventus não deu espaços. E ainda marcou o quinto e o sexto com Rafinha. Roberto ainda diminuiria para 6 a 2, contudo, o título do Interclubes 2012 já estava com caminho certo: a sala de troféus do time da Javari. v

Galeria de fotos
Clique nas imagens para ampliar
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • DMX
    jogo
  • DMX
    jogo
  • comemoração
    comemoração
  • entrevista
    entrevista
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
  • jogo
    jogo
<< Voltar

Copyright© 2012 Federação Paulista de Futebol 7 Society. Todos os direitos reservados.

* indica evento organizado e promovido por outra entidade